Frango: procura aumenta e eleva cotações

Destaque Rural | Portal do Agronegócio | Revista, Agricultura, Pecuária, Mercado

Passado o feriado de 7 de setembro (Dia da Independência), a demanda doméstica por carne de frango reagiu, tendo em vista que muitos varejistas tiveram necessidade de repor estoques. No front externo, as exportações brasileiras da proteína in natura estão intensas em setembro. Esse cenário tem enxugado a oferta doméstica e, consequentemente, elevado os preços da carne na maior parte das regiões acompanhadas pelo Cepea. Vale destacar que, ainda que o movimento de alta dos preços seja típico em início de mês, a média das cotações em setembro já supera a do mesmo período de agosto. De acordo com dados do Cepea, na parcial deste mês (até o dia 13), o frango congelado negociado no atacado da Grande São Paulo registra média de R$ 4,02/kg, aumento de 7,5% frente à do mesmo período de agosto. O produto resfriado, por sua vez, foi comercializado na região paulista ao preço médio de R$ 3,97/kg na parcial de setembro, elevação de 9% frente ao do mesmo período de agosto. Quanto aos cortes resfriados comercializados no atacado da Grande São Paulo, o filé e o peito foram comercializados na parcial de setembro a R$ 6,74/kg e a R$ 4,93/kg, respectivamente, valorizações de 5.4% e de 5,8%, frente ao mesmo período de agosto.

Fonte: Cepea – www.cepea.esalq.usp.br

Deixe uma resposta