(54) 3632 5485 contato@destaquerural.com.br

Inverno 2018 será mais seco e frio que nos últimos anos

Influência do fenômeno La Niña deve se manter até o início da próxima safra de verão

Destaque Rural | Portal do Agronegócio | Revista, Agricultura, Pecuária, Mercado

Ângela Prestes – Destaque Rural

A tendência climática para os próximos meses é de chuvas irregulares e abaixo da média na Região Sul, com períodos curtos de muita chuva e longos períodos de baixas precipitações. O outono mais seco, apesar de representar um problema para a safrinha de milho nos estados do Paraná, Mato Grosso do Sul e São Paulo, será benéfico para as lavouras de trigo. Segundo o meteorologista do Instituto Nacional de Meteorologia (INMET), Luiz Renato Lazinski, a região está sob influência de um La Niña, ainda de fraca intensidade e a tendência é que ele se mantenha no outono e em boa parte do inverno. “Nós vamos ter um inverno mais seco e frio. O Sul do Estado do Rio Grande do Sul, que já vem apresentando problemas de poucas chuvas, deve continuar com precipitações abaixo da média”.

Com relação às temperaturas a tendência é que o frio chegue mais cedo neste ano. “Vamos ter um inverno com temperaturas mais baixas, com mais dias frios do que os últimos que nós tivemos”.

A palestra “Tendências climáticas para agricultura 2018” aconteceu na manhã de hoje (07) no Auditório da Produção, como parte da programação da 19ª Expodireto Cotrijal, em Não-Me-Toque/RS.

Deixe uma resposta