Bayer vai investir em três projetos de segurança alimentar liderados por jovens

Destaque Rural | Portal do Agronegócio | Revista, Agricultura, Pecuária, Mercado
  • Projetos foram desenvolvidos durante o Youth Ag-Summit de 2017
  • Ideias vencedoras têm como foco os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável da ONU de Igualdade de Gênero, Educação de Qualidade e Consumo e Produção Responsáveis
  • A Bayer premiou os melhores projetos com 3.000 euros, 5.000 euros e 10.000 euros, respectivamente
Monheim / Bruxelas, 18 de outubro de 2017 – A Bayer vai investir em projetos futuros desenvolvidos durante o Youth Ag-Summit de 2017 (www.youthagsummit.com/) por alguns dos jovens mais brilhantes do mundo e defensores da segurança alimentar. Os três projetos abordarão questões relacionadas aos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável das Nações Unidas (ODS – ONU) de Igualdade de Gênero, Educação de Qualidade e Consumo e Produção Responsáveis.

Na semana passada, 100 jovens entusiastas da agricultura, de 18 a 25 anos e de 49 países diferentes, reuniram-se em Bruxelas, na Bélgica, para a terceira edição da Youth Ag-Summit. Organizado pela Bayer juntamente com as duas associações de jovens agricultores belgas, Groene Kring (http://www.groenekring.be/) e Fédération des Jeunes Agriculteurs (http://www.fja.be/), o evento proporcionou uma oportunidade para que os participantes trabalhassem em soluções concretas para um dos maiores desafios da humanidade: como alimentar uma população mundial crescente de forma sustentável.

No Youth-Ag Summit, os participantes trabalharam durante a semana em grupos de dez pessoas para desenvolver suas ideias, antes de apresentarem suas propostas a um júri de especialistas e ao público. O júri e o público escolheram então os vencedores com base em critérios como viabilidade, inovação e criatividade:

• O terceiro lugar foi para “Imperfect Picks”, um grupo que foi designado para trabalhar no ODS 12: Consumo e Produção Responsáveis. Esses participantes impressionaram com sua campanha em desenho animado para promover o consumo de “frutas feias” para crianças e permitir uma mudança cultural mais ampla, para que aceitemos alimentos que têm uma aparência defeituosa, mas que ainda são de boa qualidade. Eles ganharam 3.000 euros para desenvolver e implementar o projeto.

• O segundo lugar foi para “Seeds of Change”, um grupo de participantes focado no ODS 4: Educação de Qualidade. Eles usarão o prêmio de 5.000 euros para financiar um projeto destinado a promover a agricultura nas escolas, por meio de jovens defensores da agricultura, de modo a preencher a lacuna existente entre as pessoas que consomem e as pessoas que produzem os alimentos.

• Finalmente, o primeiro lugar foi concedido ao grupo “AGRIKUA” (“kua” sendo a palavra suaíli para “crescer”), cujo projeto se concentra na promoção da igualdade de gênero (ODS 5) no setor agrícola. Seu plano de criar uma plataforma profissional on-line para jovens mulheres quenianas que buscam oportunidades na agricultura impressionou o júri e o público, e eles levaram para casa o grande prêmio de 10 mil euros. Além desse financiamento, os participantes do AGRIKUA receberão treinamento e orientação dedicados para ajudá-los a tornar o projeto realidade. Eles também serão convidados a voltar a Europa para apresentar seu projeto para uma plataforma relevante da indústria.

Falando sobre o time de vencedores deste ano, Fleur Wilkins, head de Mensagens Estratégicas e Comunicações Executivas da divisão Crop Science da Bayer, e membro do júri, disse: “Ficamos impressionados com o nível de criatividade, inteligência e atenção mostrado pelos grupos de participantes nos projetos finais apresentados. A Bayer está animada em financiar três desses projetos para desenvolvimento futuro, mas estamos convencidos de que todos os participantes do Youth Ag-Summit deste ano continuarão a defender e contribuir para um sistema de produção de alimentos mais sustentável”.

Além de trabalhar em grupos para desenvolver seus projetos, os participantes passaram a semana ouvindo de palestrantes e organizações parceiras de renome mundial, que os inspiraram a se comprometerem a fazer “Três Pequenas Coisas” em sua vida cotidiana para promover uma maior segurança alimentar. Eles também visitaram o Comitê das Regiões da UE e se encontraram com membros do Parlamento da UE, Tom Vandenkendelaere e Richard Ashworth, para discutir a política agrícola. Outro destaque da semana foi uma visita a Hof ten Bosch (www.cropscience.bayer.com/en/crop-science/forwardfarming), uma ForwardFarm da Bayer situada no coração da área rural belga.

Visite o site http://www.youthagsummit.com para conhecer os participantes e para saber mais sobre a Cúpula. Siga as últimas notícias no Twitter (twitter.com/YouthAgSummit), no Facebook (www.facebook.com/YouthAgSummit), no Instagram (www.instagram.com/youthagsummit/) (@ youthagsummit) e na página da transmissão ao vivo do Evento (http://live.cropscience.bayer.com/Event/Youth-Ag_Summit_2017/board%20_blank).

Sobre a Youth Ag-Summit

A Youth Ag-Summit é uma conferência bianual global destinada a inspirar e conectar a próxima geração de jovens líderes na agricultura e áreas relacionadas. Em outubro de 2017, 100 jovens líderes de 18 a 25 anos se reuniram em Bruxelas, na Bélgica, para criar um diálogo aberto sobre um dos maiores desafios do mundo: como alimentar uma população crescente de forma sustentável. A próxima edição da Youth Ag-Summit será realizada no Brasil em 2019.
Após as edições anteriores sediadas pelo Canadá e pela Austrália, a Cúpula deste ano foi a primeira a ser realizada em uma cidade europeia. A Youth Ag-Summit faz parte do Programa de Educação em Agricultura da Bayer (http://www.ag-education.bayer.com/), que visa aumentar a conscientização global sobre agricultura e distribuição de alimentos. Os participantes deste ano vêm de 49 países: Argentina, Austrália, Bangladesh, Bélgica, Bolívia, Botswana, Brasil, Canadá, Chile, China, Colômbia, Dinamarca, Equador, El Salvador, Estônia, Finlândia, França, Alemanha, Guatemala, Hungria, Índia Indonésia, Irlanda, Itália, Japão, Quênia, Lituânia, Malásia, Nepal, Países Baixos, Nova Zelândia, Nigéria, Paraguai, Filipinas, Polônia, Rússia, África do Sul, Espanha, Sri Lanka, Suécia, Tanzânia, Tailândia, Turquia, Uganda, Ucrânia, Reino Unido, EUA, Vietnã e Zimbábue.
Saiba mais sobre o Programa de Educação em Agricultura da Bayer em www.ag-education.bayer.com/, no Facebook (www.facebook.com/BayerAgEdu/) e no (twitter.com/BayerAgEdu) (@BayerAgEdu).

Bayer: Science For A Better Life (Ciência para uma Vida Melhor)

A Bayer é uma empresa global focada em Ciências da Vida nas áreas de cuidados com a saúde humana e animal e agricultura. Seus produtos e serviços são desenvolvidos para beneficiar as pessoas e melhorar sua qualidade de vida. Além disso, a companhia objetiva criar valor por meio da inovação. A Bayer é comprometida com os princípios do desenvolvimento sustentável e com suas responsabilidades sociais e éticas como uma empresa cidadã. Em 2016, o grupo empregou cerca de 115 mil pessoas e obteve vendas de € 46.8 bilhões. Os investimentos totalizaram € 2.6 bilhões e as despesas com Pesquisa & Desenvolvimento somaram € 4.7 bilhões. Esses números incluem os negócios de polímeros de alta tecnologia, que foram lançados no mercado de ações como companhia independente nomeada Covestro, em 06 de outubro de 2015.

Deixe uma resposta