Novas operações de PEP e Pepro mantém apoio ao escoamento de 397,6 mil t de milho

Destaque Rural | Portal do Agronegócio | Revista, Agricultura, Pecuária, Mercado

Mais duas operações de incentivo ao escoamento de milho do Centro-Oeste foram realizadas na semana passada pela Companhia Nacional de Abastecimento (Conab). O apoio total negociado refere-se a 397,6 mil t do produto.

O leilão de Prêmio para o Escoamento (PEP) realizado no dia 21 comercializou subvenção para 72 mil t de milho, ou seja, 100% do total ofertado. No caso do Prêmio Equalizador Pago ao Produtor Rural (Pepro), a Conab ofereceu prêmio para escoamento de 428 mil t e negociou 76%, equivalentes a 325,6 mil t. O estado contemplado nessas duas negociações foi o Mato Grosso.

Desde abril deste ano, o governo federal realizou 17 leilões de PEP e 17 de Pepro. O total ofertado para o PEP foi para 3,95 milhões de toneladas, onde foram negociadas 1,93 milhão de t. Já para o Pepro, a quantidade total ofertada foi para 9,92 milhões, com apoio negociado para 7,2 milhões de t.

As operações foram autorizadas pela Portaria Interministerial MF/MP/MAPA nº 800, de abril de 2017, até o limite de R$ 500 milhões, com o objetivo de garantir preço ao produtor de milho e incentivar o escoamento do excedente de produção para os grandes centros consumidores. O valor máximo do prêmio de cada operação é calculado pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), seguindo a fórmula do valor do preço mínimo menos o valor médio de mercado no estado ou região de produção.

Uma ampla oferta mundial do produto, tanto internacional quanto nacional, fez com que o preço do milho caísse abaixo do mínimo fixado pelo governo federal no Centro-Oeste. Somadas a primeira e a segunda safra, a produção brasileira de milho atingirá o recorde histórico de 97,7 milhões de t na safra 16/17, gerando a perspectiva de um estoque de passagem muito elevado. De acordo com a área de Gestão da Oferta da Conab, tal cenário impactou diretamente na questão dos preços pois a demanda, mesmo com exportação, permaneceu inferior à oferta. O panorama internacional também é de abastecimento, com mais de 1 bi de t de milho produzido no mundo na safra 16/17.

O esforço conjunto da Conab e do Ministério da Agricultura Pecuária e Abastecimento (Mapa) permitiu a adoção de ações tempestivas de sustentação de preço. Por meio das operações de PEP e Pepro, o governo federal está destravando negociações, dando fluxo à comercialização e garantindo a rentabilidade do produtor rural na região Centro-Oeste.

 

Acesse os resultados:
PEP – Aviso Nº 193
Pepro – Aviso Nº 194

Deixe uma resposta