Porto Alegre tem cesta básica mais cara do país em julho

Foto: Divulgação
Destaque Rural | Portal do Agronegócio | Revista, Agricultura, Pecuária, Mercado

Em julho, o custo da cesta básica caiu em 14 das 27 capitais brasileiras analisadas pelo Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (Dieese), mas subiu em 13. A queda mais expressiva foi em Recife (-3,26%) e o maior aumento, em Belo Horizonte (2,35%) .

A cesta básica mais cara do país foi a de Porto Alegre, com preço médio de R$ 453,56, seguida por São Paulo (R$445,83). As mais baratas foram as de Rio Branco (R$ 332,06) e Salvador (R$ 357,2 8).

VER MAIS: Conab vai adquirir 2,88 mil toneladas de alimentos da agricultura familiar
VER MAIS: CNA defende parceria entre Brasil e Argentina para atender demanda mundial por alimentos

VER MAIS: Conab vai reabastecer estoques públicos de cestas de alimentos

No mês de julho, os produtos da cesta que mais subiram na maior parte das capitais foram a manteiga e o tomate, enquanto a batata, a banana, a carne de primeira, o óleo de soja, o açúcar e o arroz tiveram as maiores baixas.

Deixe uma resposta