Conab vai adquirir 2,88 mil toneladas de alimentos da agricultura familiar

Foto Albino OliveiraMDA
Destaque Rural | Portal do Agronegócio | Revista, Agricultura, Pecuária, Mercado

Nesta quinta-feira (3), a Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) publicou avisos de chamadas públicas para a aquisição de alimentos da agricultura familiar, via compra institucional, para composição de cestas que serão distribuídas a mais de 160 mil famílias. O objetivo é formar estoque para atender povos indígenas e comunidades remanescentes de quilombos, além de trabalhadores rurais sem-terra, que pleiteiam acesso ao Plano Nacional de Reforma Agrária.

As Superintendências Regionais de Alagoas e do Rio Grande do Sul receberão as propostas de venda até às 12h do dia 16 de agosto. Pretende-se adquirir 1.775,5 toneladas de arroz, 659,7 toneladas de feijão, 521,4 toneladas de açúcar, 451 toneladas de farinha de mandioca, 61,1 toneladas de fubá de milho e 226,7 toneladas de leite em pó. Os produtos deverão ser entregues na totalidade até o dia 25 de setembro.

VER MAIS: Estudo da Conab mostra que tecnologia é a solução para produtividade da soja

VER MAIS:  Armazéns da Conab em Mato Grosso do Sul recebem milho após pedido da Aprosoja

VER MAIS: Conab e USDA ampliam canais de informação

Juntamente com as chamadas públicas, a Conab realizará, no dia 9 de agosto, leilões eletrônicos para a aquisição de produtos que comporão as cestas. O valor total estimado para as operações de aquisição e distribuição de alimentos, em 2017, é de R$ 39 milhões. Com estes recursos será possível fornecer, aproximadamente, 430 mil cestas.

A distribuição de alimentos a grupos populacionais específicos é uma ação do Ministério do Desenvolvimento Social (MDS), executada pela Conab, com o objetivo de dar assistência a famílias em situação de insegurança alimentar e nutricional, além de fomentar, por meio da aquisição de produtos, a agricultura familiar.

Deixe uma resposta