Café: colheitas avançam, mas ritmo de negócios é lento

Foto: Reprodução/Internet
Destaque Rural | Portal do Agronegócio | Revista, Agricultura, Pecuária, Mercado

Apesar do frio intenso nas lavouras de café arábica do norte do Paraná, São Paulo e Sul de Minas nos últimos dias, a colheita da temporada 2017/18 segue sem problemas. Segundo colaboradores do Cepea, apenas algumas áreas foram atingidas por geadas, o que não deve prejudicar a produção nacional. Assim, o trabalho de campo deve se intensificar nos próximos dias, caso novas chuvas não interrompam as atividades. Com produtores concentrados na colheita, a negociação segue lenta no mercado físico.

VER MAIS: Exportação de café apresenta aumento de 9,9% no penúltimo mês do ano safra 2016/17

VER MAIS: Fundo vai destinar R$ 4,9 bilhões para financiar safra de café 17/18

VER MAIS: Safra de café recua e previsão é de 45,5 milhões de sacas

Foto: Reprodução/Internet

Quanto ao robusta, as atividades estão mais avançadas no Espírito Santo e em Rondônia, com 50% e 90% das áreas alcançadas, respectivamente, conforme agentes consultados pelo Cepea. Mesmo com a maior oferta de robusta, devido ao avanço da colheita, as negociações no físico continuam lentas, devido à retração de vendedores e compradores. Neste cenário, as cotações estão em queda.

Deixe uma resposta