Mercado do boi gordo: tentativas de compra abaixo da referência são comuns

Foto: divulgação
Destaque Rural | Portal do Agronegócio | Revista, Agricultura, Pecuária, Mercado

Apesar de em menor intensidade, o cenário ainda é de pressão de baixa na maioria das praças pesquisadas pela Scot Consultoria. A boa oferta de animais terminados e o consequente alongamento das escalas de abate colaboram para as tentativas de compra abaixo da referência. Destaque para São Paulo, que apresentou queda de 0,8% em relação ao último fechamento. Já nos últimos trinta dias a queda foi de 5,8%.

No estado, a arroba do macho terminado ficou cotada em R$131,00, à vista, livre de Funrural, na última terça-feira (6/6), e as escalas de abate giram em torno de seis dias. Existiram tentativas de compra até R$3,00 abaixo da referência. Com as últimas quedas para a arroba do boi gordo e estabilidade para a carne, a margem de comercialização continua em patamares historicamente elevados.

Atualmente a margem de comercialização de quem vende a carne com osso está em 25,9%, são dez pontos percentuais acima da média histórica.

Deixe uma resposta