(54) 3632 5485 contato@destaquerural.com.br

JBS vende operações na Argentina, Paraguai e Uruguai por US$ 300 milhões

FOTO JF DIORIO / ESTADÃO CONTEÚDO
Destaque Rural | Portal do Agronegócio | Revista, Agricultura, Pecuária, Mercado

A JBS divulgou hoje (6)  que vendeu todas as operações de carne bovina na Argentina, Paraguai e Uruguai. As subsidiárias foram adquiridas por empresas controladas pela brasileira Minerva pelo valor total de US$ 300 milhões. O fato foi recebido pelos acionistas e mercado através de um comunicado.  Segundo o comunicado, o preço ainda está sujeito a um ajuste referente à diferença entre o capital líquido e o endividamento das marcas negociadas. A estimativa da JBS é de que, em 31 de março, as empresas tivessem saldo positivo de US$ 40 milhões.

“A JBS ressalta que segue comprometida em manter o curso regular dos negócios até a conclusão da operação, o que inclui a manutenção dos empregos em cada um dos países envolvidos”, informou a empresa.  O negócio foi aprovado por unanimidade pelo Conselho Administrativo da JBS e depende agora de aprovação do Cade (Conselho Administrativo de Defesa Econômica).

VER MAIS: Dono da JBS grava Temer dando aval para compra de silêncio de Cunha

VER MAIS: CRISE POLÍTICA: E o agronegócio com isso?

A EMPRESA

A JBS pertence à holding J&F, dos irmãos Joesley e Wesley Batista. A dupla está no centro da atual crise política brasileira, que atinge o presidente Michel Temer, após Joesley afirmar em delação premiada ter pago propina a políticos em troca de vantagens, como acesso a recursos com juros menores no BNDES. A empresa é alvo de cinco operações da Polícia Federal, entre elas a Lavo Jato e a Carne Fraca.

Deixe uma resposta