Porto de Porto Alegre cresce mais de 50% no primeiro quadrimestre do ano

Foto: Reprodução/Internet
Destaque Rural | Portal do Agronegócio | Revista, Agricultura, Pecuária, Mercado

Desde o dia 17 de abril, o Porto de Porto Alegre é administrado pela Superintendência do Porto do Rio Grande

O movimento entre janeiro e abril deste ano é 54,4% maior do que em 2016. Até o final de abril foram movimentadas mais de 260 mil toneladas de cargas no cais da capital. Desde o dia 17 de abril, o Porto de Porto Alegre é administrado pela Superintendência do Porto do Rio Grande. Destacam-se na movimentação do Porto de Porto Alegre os compostos químicos como nitrato e ureia. Nos grãos, o trigo, a cevada, milho e soja também fazem parte do conjunto dos produtos movimentados. No total foram 268.908 toneladas de cargas movimentadas em apenas quatro meses. “O Porto de Porto Alegre tem grande potencial para aumentar sua movimentação e o Governo do Estado está sempre buscando novas cargas e projetos para otimizar seu uso”, avalia o diretor superintendente do Porto do Rio Grande, Janir Branco.

Foto: Reprodução/Internet

O milho foi destaque no mês de janeiro quando movimentou mais de 20 mil toneladas que teve como origem o Porto do Rio Grande. Já os embarques realizados pelo cais da capital tem como destaque a carga de projeto “peças de transformadores” e “transformadores”, ambos foram exportados para o Canadá. Já o Trigo ultrapassa as 50 mil toneladas movimentadas nos quatro primeiros meses do ano. Os desembarques de componentes químicos oriundos dos mais diversos países complementam o quadro de cargas e somam mais de 150 mil toneladas. O Porto de Porto Alegre realizou rotas comerciais com 11 países nos quatro primeiro meses.

Deixe uma resposta