Preços no porto de Rio Grande sobem mais de 1% com altas do dólar e em Chicago nesta 2ª

Destaque Rural | Portal do Agronegócio | Revista, Agricultura, Pecuária, Mercado

Com o dólar em alta e os futuros da soja na Bolsa de Chicago, a segunda-feira (22) parece  favorável para a formação dos preços da soja no mercado brasileiro. Por volta de 12h55 (horário de Brasília), os principais contratos subiam enter 6 e 6,50 pontos – ampliando suas altas em relação às observadas mais cedo – e o contrato julho/17 era negociado a US$ 9,59 por bushel.

Ao mesmo tempo, com alta de 1,21%, a moeda americana era cotada a R$ 3,291, ainda refletindo a crise política no Brasil. Após as últimas delações, está em cheque que a governabilidade do presidente Michel Temer e o desenrolar não só da cena política e das reformas que vinham sendo propostas, mas também da economia nacional, voltam a ser rondadas por incerteza e motivam a desvalorização da divisa local.

Assim, no porto de Rio Grande, a soja disponível já chegava aos R$ 71,30 – com uma alta de 1,86% em relação ao fechamento da última sexta-feira (19). Para final de maio do ano que vem, a soja da safra nova era negociada a R$ 75,20, subindo 1,62%.

Deixe uma resposta