(54) 3632 5485 contato@destaquerural.com.br

MAPA trabalha para que taxas do Plano Safra 2017/2018 sejam de 2 a 3,5 pontos percentuais acima da inflação

13ª Reunião Ordinária dos Países Membros da Organização de Informações de Mercado das Américas (OIMA) (Marcelo Camargo/Agência Brasil) - Assuntos: OIMA, mercado, reunião
Destaque Rural | Portal do Agronegócio | Revista, Agricultura, Pecuária, Mercado

Inflação para este ano esta fixada entre 3,5% e 4,5% segundo Banco Central 

O Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA) trabalha para as taxas do Plano Safra 2017/2018 sejam de 2 a 3,5 pontos percentuais acima da inflação.  Quem afirmou isso foi o secretário de Política Agrícola, Neri Geller, em evento da Abimaq (Associação Brasileira da Indústria de Máquinas e Equipamentos), nesta quarta, 3. O secretário comentou que a possibilidade de trabalhar com juros variáveis é, por enquanto, descartada.

Segundo o secretário, ainda nesta quarta deve haver uma reunião do setor de máquinas com o Mapa para levar as demandas do setor ao Ministério da Fazenda. A Abimaq quer que o volume de recursos para o Moderfrota, principal programa de compra de máquinas agrícolas, seja de R$ 11 bilhões.  Geller não confirmou o valor, mas afirma que ele e sua equipe irão avaliar o pedido. Em 15 dias uma decisão deve ser tomada.

 

Deixe uma resposta