Cesa prepara venda de mais de 20 unidades

Unidade de Passo Fundo deve ir a venda após homologação do acordo trabalhista .
Destaque Rural | Portal do Agronegócio | Revista, Agricultura, Pecuária, Mercado

Estatal gaúcha pretende manter apenas 8 unidades das 23 hoje existentes

 

Está previsto para o dia 6 (sexta-feira) a homologação do acordo trabalhista feito com o Sindicato dos Auxiliares de Administração de Armazéns Gerais do Estado (Sagers). A diretoria da Cesa quer acelerar a venda das unidades.

Em um primeiro momento, as unidades arrendadas entrarão em negociação. A  estrutura de Cruz Alta já foi arrendada pela AgroTec.  Com capacidade de armazenagem de 22,5 mil toneladas, está sendo arrendada por R$ 35,5 mil mensais. Entram na lista também as unidades já arrendadas de Júlio de Castilhos, Santa Rosa e Nova Prata.

As unidades de Passo Fundo, Estação e Santa Bárbara já estão habilitadas a venda. O processo de venda começa a ser feito em janeiro mas a previsão é que os leilões sejam realizados somente em fevereiro.  De acordo com o diretor técnico da Cesa “deverão ser mantidas as unidades portuárias e aquelas que cumprem uma função social.”   Por esse motivo, apenas 8 unidades restarão da Cesa no estado.

Unidade de Passo Fundo deve ir a venda após homologação do acordo  trabalhista .
Unidade de Passo Fundo deve ir a venda após homologação do acordo trabalhista .

O acordo com os trabalhadores colocou fim a um impasse com a categoria. Foi fechado em 40% do valor – inicialmente calculado em R$ 272 milhões – para pagamento em 72 vezes – além de incorporação de 30% nos salários a partir deste mês.

 

Deixe uma resposta