Os fertilizantes como base para alimentos saudáveis

Destaque Rural | Portal do Agronegócio | Revista, Agricultura, Pecuária, Mercado

Quando o assunto é o emprego de fertilizantes na produção de alimentos no Brasil, ainda se enfrenta certo tabu. Essencial para a agricultura e para a saúde humana, a técnica de adubar o solo não é vista pela sociedade com clareza, e pouco se conhece sobre sua importância. A Iniciativa Nutrientes Para a Vida (NPV), recém-lançada no Brasil, visa mudar esse paradigma, conscientizando a população a respeito dos benefícios do insumo para o ser humano.

Como muitas informações não são disseminadas corretamente, a utilização destes produtos muitas vezes é questionada. Assim, cria-se um pré-conceito prejudicial ao aumento da produção e à segurança alimentar.

“O fertilizante é o veículo do nutriente; é essencial à planta e ao ser humano.
Se um solo está deficiente em nutrientes, como é possível conduzí-los para
o alimento? A resposta é: com o emprego de fertilizantes! Aliás, um sinônimo
perfeito de adubos”, explica Dr. Luiz Roberto Guimarães Guilherme, engenheiro
agrônomo, PhD em Ciência do Solo e Professor Titular do Departamento de Ciência
do Solo da Universidade Federal de Lavras.

Ainda de acordo com Dr. Guimarães Guilherme, a aplicação de fertilizantes pode ser realizada de diversas maneiras, mas é primordial  que o manejo seja responsável, visando a sustentabilidade.

A ação do NPV é fundamental para difundir o valor dos fertilizantes.
O foco não é apenas mostrar o quanto eles são essenciais para o desenvolvimento
das plantas, mas também como são necessários para a produção de alimentos
de boa qualidade, que proporcionam uma condição nutricional importante.
É por isso que a missão da iniciativa Nutrientes para a Vida está diretamente
ligada à melhoria da qualidade de vida, seguindo os mesmos preceitos de sua
coirmã e inspiradora, a Nutrients For Life, que já colhe frutos nos Estados Unidos,
onde surgiu, e em outros países como Canadá, México e Colômbia.

Nutrientes
“A sociedade atual demanda maior qualidade nos produtos e, no futuro,
esse aspecto será cada vez mais valorizado. As iniciativas voltadas à produção agrícola
com o emprego de fertilizantes mais eficientes e que proporcionem aumento de
produtividade, aliados à melhor qualidade nutricional dos alimentos, são cada vez
mais valorizadas. Portanto, ao trabalharmos com a filosofia de que os nutrientes
são importantes para as plantas e para os seres humanos, vamos melhorar
a qualidade da nossa vida como um todo”.

Fonte: Assessoria de imprensa

Deixe uma resposta