Arroz gaúcho volta a valer R$ 50 por saca

Destaque Rural | Portal do Agronegócio | Revista, Agricultura, Pecuária, Mercado

O mercado brasileiro de arroz mostrou uma leve fraqueza na primeira metade de setembro, chegando a operar abaixo de R$ 50,00 por saca de 50 quilos. “Porém, retornou rapidamente ao patamar anterior, já que os fatores fundamentais seguem favoráveis aos preços”, explica o analista de SAFRAS & Mercado, Élcio Bento.

“Para fechar o quadro de abastecimento, o país ainda precisará comprar um grande volume no mercado internacional”, explica Bento. Sendo assim, pressões de baixas nos próximos meses tendem a ser pontuais, em momentos de maior necessidade de venda. Conforme o analista, o espaço para novas elevações também depende de alterações no mercado internacional e/ou câmbio. “Sendo assim, o momento segue sendo para escalonar vendas e seguir negociando”, frisa.

Na média do Rio Grande do Sul, a saca de 50 quilos do arroz gaúcho  em casca era cotada a R$ 50,01 no dia 21 de setembro, acumulando perda de 0,99% em relação ao mesmo período do mês anterior e alta de 32,24% frente à igual momento o ano passado.

No âmbito internacional, destaque para as importações de arroz da China, que somaram 187,691 mil toneladas em agosto, baixa de 12,69% sobre o total adquirido em igual período de 2015. A informação é da Administração Geral de Portos e Alfândegas daquele país.

Nos oito primeiros meses do ano, a China já comprou 2,328 milhões de toneladas de arroz, com alta 19,03% sobre igual período do ano passado. O Vietnã liderou as vendas para a China no mês, com 138,233 mil toneladas, com alta de 9,67%. A Tailândia exportou 37,654 mil toneladas para a China, com queda de 51,45%.

Rodrigo Ramos / Agência SAFRAS