Nova etapa na parceria Embrapa-OCB-SESCOOP

Destaque Rural | Portal do Agronegócio | Revista, Agricultura, Pecuária, Mercado

Na semana de 13 a 15/04, a Embrapa Trigo (Passo Fundo, RS) recebeu 32 profissionais de ciências agrária, que integram o departamento técnico de 20 cooperativas do RS, SC e PR. O encontro deu início a segunda edição da qualificação de técnicos na parceria Embrapa-OCB-SESCOOP.

Giovani Castoldi - Gerente Técnico da OCB, Paulo Cesar Dias do Nascimento Junior, e o analista da Embrapa Trigo, Jorge Lemainski na abertura da capacitação
Giovani Castoldi – Gerente Técnico da OCB, Paulo Cesar Dias do Nascimento Junior, e o analista da Embrapa Trigo, Jorge Lemainski na abertura da capacitação

O convênio da Embrapa com a Organização das Cooperativas Brasileiras (OCB) e o Serviço Nacional de Aprendizagem do Cooperativismo (Sescoop) começou em 2015, com o objetivo de implementar ações conjuntas para a formação em inovações tecnológicas de multiplicadores vinculados às cooperativas do ramo agropecuário. As atividades são desenvolvidas em módulos temáticos ao longo do ano, com exposições práticas e teóricas que primam pela interação entre os participantes e aproximam técnicos e pesquisadores. O conteúdo tecnológico conta com a participação de universidades, institutos de pesquisa, extensão rural e produtores, com a coordenação da Embrapa Trigo.

Para o presidente da Organização das Cooperativas Brasileiras (OCB), Márcio Lopes de Freitas, a parceria com a Embrapa é motivo de orgulho para o movimento cooperativista brasileiro. “Estou muito satisfeito com este trabalho que a gente vem desenvolvendo com a Embrapa. Essa empresa que lidera os processos de pesquisa do agro brasileiro e nos coloca numa situação de vanguarda dentro da competitividade do agronegócio mundo afora”, argumenta. Lopes destacou também a importância dos técnicos de cooperativas como o principal elo entre a tecnologia e o produtor.

Em 2015, foram mais de 140 horas de capacitação para 22 coordenadores técnicos das principais cooperativas de grãos do país com sede nos estados de RS, PR, MG, SP e MS. A programação envolveu mais de 20 pessoas, entre palestrantes, moderadores e visitas técnicas.

Deixe uma resposta