(54) 3632 5485 contato@destaquerural.com.br

Teor de matéria seca da forragem pode ser medida com forno de micro-ondas

Destaque Rural | Portal do Agronegócio | Revista, Agricultura, Pecuária, Mercado
Foto: Vanessa Maia
Foto: Vanessa Maia

A determinação da matéria seca (MS) de forrageiras é muito importante para se tomar decisões técnicas na propriedade. É uma informação essencial, por exemplo, para se determinar o ponto de ensilagem de plantas como capim-elefante, sorgo e milho. Também serve para medir a quantidade de forragem existente em uma pastagem. Para fazer a medição do teor de MS não é mais necessário pagar caro e perder tempo enviando amostras para laboratórios. Um simples forno de micro-ondas pode facilmente medir o teor de umidade da forragem. É o que ensina o Comunicado Técnico número 77, lançado pela Embrapa Gado de Leite.

A publicação descreve o processo passo a passo. O pesquisador Pérsio Sandir D’Oliveira, um dos autores do documento, explica que a linguagem é simples e direta, para evitar dúvidas quando o produtor rural for adotar a prática. Em apenas seis páginas, o comunicado ricamente ilustrado detalha as etapas necessárias para realizar o trabalho.

O pesquisador reforça que os híbridos de milho estão tão avançados que o antigo método de avaliação pela “linha do leite” não é mais eficiente. Antes, quebrava-se a espiga ao meio para visualizar a linha no grão, a fim de verificar se a planta já se encontrava no ponto para a colheita. D’Oliveira reforça que as perdas podem ser significativas se a ensilagem for feita antes ou depois do ponto ideal. “A utilização do micro-ondas é rápida, barata e muito mais precisa”, ressalta.

A linguagem do sistema passo a passo utilizada no comunicado técnico teve como base as cartilhas da coleção E-Rural, cujo objetivo é disponibilizar para os produtores informações técnicas, em linguagem acessível, com ilustração detalhada de cada etapa dos procedimentos. Além de Pérsio D’Oliveira, os pesquisadores da Embrapa Gado de Leite João Eustáquio Miranda, Jailton Carneiro e Jackson Oliveira estão são autores da publicação. A analista Vanessa Magalhães, que é editora das cartilhas da coleção E-Rural, atuou como supervisora editorial do comunicado técnico.

O documento impresso pode ser solicitado ao Serviço de Atendimento ao Cidadão da Embrapa (www.embrapa.br/fale-conosco/sac). O material também está disponível para download emwww.embrapa.br/gado-de-leite/publicacoes.

Deixe uma resposta