Novos sistemas agilizam o crédito fundiário

Destaque Rural | Portal do Agronegócio | Revista, Agricultura, Pecuária, Mercado

Nova versão dos sistemas de Monitoramento do Mercado de Terras (SMMT) e de Informação Gerencial do Crédito Fundiário (SIG/CF) trazem avanços que vão permitir maior qualificação das informações e mais agilidade na avaliação de propostas.

No SIG/CF, sistema que armazena as informações cadastrais e das áreas contratada pelo Crédito Fundiário, a principal mudança foi a inserção do Módulo de Substituição, que possibilita a inclusão automática dos dados referentes aos agricultores substitutos, antes só possível manualmente. Já no SMMT são duas melhorias. Uma delas é o Módulo Oferta, que por ser mais operacional e abrangente, permite um maior acúmulo de informações, coletadas pelos avaliadores. Informações estas, que são cadastradas no módulo oferta e alimentam um banco de dados. A segunda é a criação do Módulo de Indicadores, que permite colher informações diversas sobre o mercado de terras, dando suporte aos técnicos na avaliação das propostas que estão em análise; disponibilizando informações do mercado de terras de diferentes fontes, nas diferentes regiões do Brasil; facilitando o processo de mensuração do valor real da terra por região. As mudanças nos sistemas proporcionam uma melhora significativa dos procedimentos de gestão do Programa de Crédito Fundiário.  

Deixe uma resposta